Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Caça noturna ao gangue do Multibanco

Por CASCAIS24

As forças de segurança (PSP e GNR) no concelho de Cascais estão em alerta noturno, depois de duas tentativas frustradas de assalto a caixas multibanco, em menos de 24 horas.
Apoiadas por brigadas de investigação criminal, patrulhas móveis da PSP e da GNR receberam instruções para intensificar a vigilância e o policiamento de madrugada em "áreas" sensíveis e "suscetíveis" de serem alvo de ataque.
Dependências bancárias e outros locais "sensíveis" onde existem ATMs constituem os locais mais vigiados pelas policias.
Em causa está um grupo que, em 24 horas, entre segunda e terça-feira tentou estoirar com duas caixas multibanco - uma na dependência do Santander Totta, em Trajouce e outra no banco BIC, na avenida 25 de abril, em Cascais.
Este gangue atua, preferencialmente, entre as quatro e as cinco horas da madrugada.
Embora a investigação esteja a cargo da Unidade Nacional Contra Terrorismo da Polícia Judiciária (PJ), as forças de segurança públic…
Mensagens recentes

Ataque frustrado a multibanco em Cascais mobilizou PSP e GNR

Por CASCAIS24

Três desconhecidos, encapuzados, fazendo-se transportar num veículo, cor cinza, tentaram esta terça-feira, de madrugada, assaltar uma caixa multibanco instalada nas instalações da agência do banco BIC, na avenida 25 de abril, em Cascais, apurou Cascais24.
Fonte policial confirmou, a Cascais24, a tentativa de assalto, por volta das cinco horas da manhã.
Os assaltantes terão sido surpreendidos quando planeariam fazer explodir o ATM, adiantou a mesma fonte oficial da PSP.
Segundo Cascais24 apurou, o veículo alegadamente envolvido no ataque terá sido alvo de perseguição, mas sem sucesso, numa operação que mobilizou patrulhas móveis da PSP de Cascais e da GNR de Alcabideche.
As autoridades suspeitam que os assaltantes sejam os mesmos que, 24 horas antes, na segunda-feira, de madrugada, conforme Cascais24 avançou em primeira mão, tentaram também assaltar a caixa multibanco instalada na agência do Santander Totta, em Trajouce.
A confirmar-se ser o mesmo grupo, tudo leva a crer trata…

Fogo destrói cobertura de casa na baixa de Cascais

Por CASCAIS24

Um incêndio, que deflagrou esta terça-feira, de manhã, na baixa de Cascais, destruiu a cobertura de um edifício de dois pisos.
O incêndio deflagrou pouco depois das nove e meia da manhã, na cobertura de uma casa que está a sofrer trabalhos de remodelação, na rua dos Navegantes.
Segundo disse, a Cascais24, João Loureiro, comandante dos Bombeiros Voluntários de Cascais, "a preocupação foi impedir a propagação do fogo" a outras habitações contíguas, o que "foi conseguido em pleno".
Nas operações estiveram mobilizados 14 operacionais, apoiados por quatro veículos dos Bombeiros Voluntários de Cascais e de Alcabideche.
Também a PSP esteve no local.
Não é conhecida a causa do incêndio.

Dona de gatos abandonados em condomínio foi detida há uma semana

Por CASCAIS24


Derrocada e inundação cancelam sessões no Cascais Jazz Club

Por CASCAIS24


Ataque ao multibanco em Trajouce

Por CASCAIS24

Os assaltantes que, esta segunda-feira, de madrugada, atacaram o Multibanco instalado na agência do Santander Totta, em Trajouce, não terão logrado roubar quaisquer montantes, tendo apenas causado elevados estragos materiais.
Apesar de uma fonte policial do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa (Cometlis) ter avançado, ao Cascais24, que os assaltantes teriam feito explodir o multibanco, ainda não é conhecido o "modus operandi", havendo, também, quem diga que o ataque possa ter sido feito à marretada.
O ataque registou-se por volta das quatro horas da madrugada na dependência do banco Santander Totta, instalado no largo 7 de junho, em Trajouce.
Fonte oficial da PSP disse, ao Cascais24, que o assalto foi protagonizado, pelo menos por dois desconhecidos, que fugiram num veículo de cor escuro.
A investigação está a cargo da Unidade Nacional Contra Terrorismo da Polícia Judiciária (PJ), que liga este ataque a dezenas de outros protagonizados nos últimos tempos na regiã…

Fizeram explodir Multibanco em Trajouce

Por CASCAIS24

Desconhecidos fizeram explodir esta segunda-feira, de madrugada, o Multibanco instalado na dependência do Banco Santander Totta, em Trajouce, mas colocaram-se em fuga sem roubar qualquer montante.
O ataque foi registado por volta das quatro horas da madrugada.
Os assaltantes - dois desconhecidos - faziam-se transportar num automóvel, de cor escuro.
O Multibanco atacado encontra-se instalado no exterior da agência bancária, situada no largo 7 de junho, no centro de Trajouce, na freguesia de São Domingos de Rana.
A PSP de Trajouce chamou, entretanto, a Polícia Judiciária (PJ), que fez deslocar uma brigada da Unidade Nacional Contra Terrorismo, encarregue da investigação.

Jovem de 19 anos “institucionalizado” foge com menor de 13 anos

Por CASCAIS24

Uma menor, de 13 anos, de Alvide, na freguesia de Alcabideche, esteve dada como desaparecida durante pouco mais de 24 horas, tendo Cascais24 apurado que “fugiu” para a região ribatejana com um amigo, de 19 anos, “institucionalizado” e com cadastro policial.
A jovem ausentou-se na sexta-feira, de manhã.
Saiu de casa, em Alvide, por volta das 7h50 e a mãe achou estranho, pois era cedo para a adolescente ir para a escola que frequenta.
Já na véspera, a menor tinha dado a entender à mãe que “iria fugir” de casa.
A mãe dirigiu-se de imediato ao estabelecimento de ensino, onde lhe disseram que a filha não tinha comparecido nas aulas.
A família da menor procurou-a durante todo o dia, mas sem sucesso e por volta das 19h30 dirigiram-se à GNR de Alcabideche para participar o desaparecimento.
Mais tarde, na sequência de diligências desenvolvidas pela GNR de Alcabideche foi possível saber que os telemóveis, tanto da menor, como do amigo tinham sido rastreados, um deles inicialmente na reg…